Destaque para outras Almas Nuas

Cosméticos Profissionais

Blog Foco na Rotina

quarta-feira, 10 de junho de 2009

Chuva e Lágrimas


Chove e está frio...
O silêncio é quebrado pelas gotas
Que caem...
Realidade em tumulto,
Onde entre as sombras negras,
Um vulto,
Caminha cabisbaixo...
Pequena centelha num mundo sombrio....
*
**
*
Entre as paredes mofadas,
Encontra então um refúgio...
E contempla pela janela a chuva
Que cai...
Na vidraça escorrem gotas frias...
Mas, no reflexo surgem gotas quentes...
Dos olhos também caem gotas...
Gotas quentes de emoção...
Embora no aconchego do ninho,há frio...
É fria a solidão...
*
**
*
É noite enfim...
Não há estrelas e a Lua sumiu,
Pois chove:
Caem gotas geladas como o frio...
O horizonte também se escondeu...
O olhar então não se fixa... Se perdeu...
E gotas rolam nos olhos... Quentes, feito um rio...
*
**
*
A chuva cai e lava as ruas...
Um pedido foi feito:
"- Lava com as gotas tuas,
Esta Alma que a ti se curva!"
*
**
*
Não há ouvido que ouça...
Não há a mão que aponte o caminho...
Perdido em meio a tempestade,
Barco órfão navegando sozinho...
*
**
*
Resta-lhe descansar...
Cedo ou tarde vem a aurora...
Também o Sol vem, aquece e revigora...
Dissipa as sombras e podes enxergar.
*
**
*
-=Shimada Coelho=-

Respeite os Direitos Autorais.
Dê ao autor os devidos créditos.



Creative Commons License
Chuva e Lágrimas by Shimada Coelho is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Vedada a Criação de Obras Derivadas 2.5 Brasil License.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seja Bem vindo!
Obrigada por comentar!