Destaque para outras Almas Nuas

Cosméticos Profissionais

Blog Foco na Rotina

segunda-feira, 1 de agosto de 2011

Libélula - Tonbo


Não pode ser explicada,
Nem tão pouco comparada...
Oscila, feito pratos de Libra,
Pois em seu pequeno corpo vibra,
Toda Liberdade que deseja pra voar!

Evoluí de fase em fase,
Transpõe qualquer impasse,
Para cumprir seu destino,
Á partir do líquido cristalino,
Com o único objetivo de voar!

Seus sonhos e ilusões são a realidade,
Seu trajeto invisível sua Verdade,
A mensagem de luz de Mundos Astrais,
Mensageira do mundo dos Elementais,
Será livre quando puder voar!

Cabe-lhe a lição da transitoriedade,
Do Tempo de cada coisa... Prazo de Validade...
No pequeno corpo tão grande sabedoria,
Seus ciclos na breve Vida, apologia,
Para quem deseja ser livre e voar!

Atravessar cada fase...
Vencer cada obstáculo...
Cumprir seus ciclos...
Para enfim poder voar,
Alcançando a Liberdade!




Licença Creative Commons
Libélula - Tonbo de Shimada Coelho é licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial-Vedada a criação de obras derivadas 3.0 Unported.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seja Bem vindo!
Obrigada por comentar!