Destaque para outras Almas Nuas

Cosméticos Profissionais

Blog Foco na Rotina

domingo, 19 de outubro de 2014

A Rosa do Mundo





Contava meu vô que após a Segunda Guerra e após o episódio de Hiroshima e Nagasaki o povo japonês precisava iniciar a reconstrução do país. Para o governo sozinho, esta reconstrução seria impossível portanto, a participação da população foi de suma importância.

Ao mesmo tempo, o governo reestruturou os métodos de ensino, incluindo na educação escolar desde boas maneiras até conhecimento necessário para que as futuras gerações pudessem reerguer a economia. Iniciou-se uma cultura pós guerra. 

Todo sofrimento da guerra foi utilizado para que um novo modo de vida pacífico e tranquilo fosse possível.Esta nova cultura também fortaleceria o povo lhes ensinando solidariedade, ordem e união para que diante das catástrofes naturais tão frequentes no país, o povo como unidade pudesse sobreviver e resistir. A intenção é que nunca fosse necessário fazer parte de alguma guerra...

A admirada cultura japonesa existe porque aprendeu com os horrores da guerra estando tanto do lado do opressor como da vítima.

Aqui no Brasil, não precisaríamos aprender com guerras e catástrofes naturais... Como seres humanos, nos bastava a empatia para sabermos que o lado certo a estar é o do Bem.

O brasileiro precisa dar o devido valor a terra que tem... Nenhum lugar no mundo é como o Brasil.

Licença Creative Commons
A Rosa do Mundo de Shimada Coelho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

                           

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seja Bem vindo!
Obrigada por comentar!