Destaque para outras Almas Nuas

Cosméticos Profissionais

Blog Foco na Rotina

quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

Nem tudo que é ruim, é ruim de fato!

Minha irmã é um ser muito especial, mas é bastante estourada, reflexo de uma personalidade e um emocional que se manifesta feito água: ninguém segura e quando pensa que segurou, explode!

Alem de muita divertida e expressiva, é bem intensa e quando se expressa dá riqueza de detalhes e manifesta as emoções correspondentes. Se narra uma discussão que teve com alguém, conta com uma fidelidade que parece que somos transportados ao momento ocorrido e o vivenciamos com ela.

Ela sempre acaba brigando ou discutindo com alguém... É a genética: nossa personalidade é forte. Isso a desgasta, a deixa muito decepcionada com as pessoas e por dias o assunto não morre. Aquela pessoa que representava algo especial de um momento ao outro passa a ser seu pior pesadelo. A decepção é algo assim...

Passei a dizer à ela que essas coisas são muito boas de acontecer. Eu só consigo conhecer meu marido um pouco mais quando discutimos, pois é nesse momento que o que está represado sai! Em uma ocasião diferente, todo mundo é muito cauteloso com verdades, sinceridade, honestidade e até tom de voz. Todo mundo se policia para não magoar o outro. Quando qualquer pessoa está nos seus 'cinco minutos' todas elas são bem sinceras...

É em episódios como estes que podemos conhecer o outro, seja em grupo, seja em sociedade, seja onde houver outro. Nada do que é falso, superficial, mascarado fica oculto. É na explosão de emoções e sentimentos que tudo o que gostaríamos de dizer se revela.

Viver desse modo 24 horas por dia seria o próprio inferno pessoal: ninguém suportaria a si mesmo. Como seres sociais, nos realizamos quando nos doamos de alguma forma ao outro e por isso precisamos ser gentis e amigos com alguém. Na solidão percebemos bem isso: nos faz falta ter alguém!

Ninguém tem uma bola de cristal para prever como é de fato todas as pessoas que se aproximam de nós. Só o tempo responde a tudo, mas ninguém pode manter uma máscara por muito tempo: ela sufoca!

Quando situações de intriga, discussões e brigas ocorrer, reflita! Esses momentos existem para conhecermos melhor o outro e só assim sabermos se esse outro é o que de fato pensamos que é.

"Não podem andar dois juntos se não houver entre eles acordo!" - Nos relacionamos e criamos laços através da afinidade e da identificação. E somente os momentos onde nos revelamos como somos nos permite conhecer o que de fato somos!


Licença Creative Commons
A obra Nem tudo que é ruim, é ruim de fato! de Shimada Coelho foi licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição - Uso Não-Comercial - Obras Derivadas Proibidas 3.0 Não Adaptada.
Com base na obra disponível em shimadacoelho.blogspot.com.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seja Bem vindo!
Obrigada por comentar!