Destaque para outras Almas Nuas

Cosméticos Profissionais

Blog Foco na Rotina

segunda-feira, 20 de agosto de 2012

Você é a favor da Pena de Morte?

"Distribuir Amor não significa ficar do lado dos omissos e subjugados... Significa estar entre eles e ser a diferença que influencia positivamente e não que se rende a inércia."



Injusto generalizar e considerar todos os habitantes deste mundo como seres humanos.  Pois diante de tantos casos de violência e injustiças cometidos contra a Vida, como decretar que humanos  capazes de tais atos sejam humanos?

Eu sou humana, você é humano... Seríamos capazes de cometer abuso contra uma criança? Maltrataríamos um idoso? Mataríamos nossos pais ou qualquer outro semelhante? Roubaríamos qualquer coisa de alguém? Destruiríamos sonhos, objetivos e vidas em prol de nossas ambições ou algum tipo de auto-destruição? 

É fácil devolver gentileza quando se recebe gentileza... Conseguiríamos nos manter gentis diante de qualquer ignorante que age movido por hormônios?

Ás vezes eu penso que só Deus é capaz de tirar a Vida, pois Ele é quem estabelece o tempo certo de todas as coisas... Outras vezes, penso como é injusto que bestas feras ainda circulem entre nós nos fazendo correr o risco de sermos as próximas vítimas.

Talvez a redução de artigos e parágrafos em nossa lei e a aplicação eficaz da Lei de Talião... Talvez, ladrão que rouba deva cumprir pena trabalhando para ressarcir suas vítimas de todo tipo de perda... Talvez quem assassina deveria perder seu direito a Vida, não sendo assassinado, mas, sendo recluso de qualquer tipo de convivência humana e ainda sustentando quem deseja realmente viver e bem... Talvez, o estuprador deva ser estuprado...

Ou quem sabe, quem rouba deva ter a mão direita amputada. E se novamente cometer o mesmo crime, que lhe cortem sua mão esquerda. E se ainda assim insistir numa vida de crimes cortem-lhe os braços... O estuprador deveria ser definitivamente castrado, tendo seu membro amputado. Talvez, surgirá uma geração de aleijados - grosseiramente mutilados - ou então a fisionomia da maldade ganhe sua forma original podendo ser reconhecida por onde andar... Hoje em dia a face do Mal está tão bem mascarada... 

E quem mata?  Deveria ser morto? O que fazer com um ser que jaz morto? Matar deixa de ser assassinato se as razões justificam a morte? Assassinar um assassino coloca-nos no mesmo nível que ele? Talvez, foi isto que Jesus tentou dizer ao pedir para darmos a outra face? Revidar nos torna iguais?

Pois que vida possui aquele que é capaz de desferir brutalidade e violência contra alguém da própria espécie? Que tipo de ser assisti passível ao genocídio diário? Como pode ainda tanta crueldade ser permitida e manter-se impune?

Então, por favor... Não generalize e não classifique a todos os habitantes deste planeta como humanos... Entre nós caminham as bestas feras. Não são pessoas e nem animais, pois ambos possuem consciência. Bestas feras seguem conforme seus instintos e estes são pouco evoluídos e completamente primitivos...

Um dia, um humano original permitiu que o curso fosse mudado misturando-se as bestas da Terra...

Um comentário:

  1. As pessoas tendem a promover o seu pior quando têm oportunidade. É triste de ver e mais ainda de não poder fazer nada.

    ResponderExcluir

Seja Bem vindo!
Obrigada por comentar!